Se Rasgum News

Se Rasgum News # 12

28.10.2010

Editorial

Sabe porque você não recebe um Se Rasgum News há mais de um mês? Estamos na pré-produção do evento que mais nos dá dor de cabeça, fome, desespero, síndrome do pânico e que aumenta nosso mau colesterol, o Festival Se Rasgum. No entanto, é o evento que mais nos enche de orgulho e que nos possibilita trazer a Belém alguns dos que apostamos ser os melhores shows da nova música brasileira. É nosso filho que está chegando à quinta edição, mais maduro, mais certo do que quer e ainda mais diversificado.

Nossa maratona de trabalho diária tem sido das mais intensas, resolvendo toda a estrutura do Festival, firmando parcerias, vendendo ingresso, fazendo ginástica para conseguir prazos de pagamento, divulgando etc. O mais legal disso tudo é saber que depois que se está envolvido nesse tipo de produção, qualquer coisa na vida pode parecer fácil.

Temos diversas novidades esse ano, a maior delas é que voltamos a um formato parecido com o do primeiro Festival, o Festival Se Rasgum no Rock 2006. Agora vamos também começar com uma festa mais chique, mais bonita, mais elegante no Hangar, dia 12, com uns shows especialíssimos, como o de André Abujamara, do trio mineiro The Hells Kitchen Project, da compositora paraense Dona Onete e do cabôco sangue bom Felipe Cordeiro e suas cordeiretes, sem contar os DJs Marcelinho da Lua e Patrick Tor4, que farão a festa pós show no palco principal. E lá no deck vai ser rasgação com os DJs Meachuta e Pedro D’eyrot, do Bonde do Rolê, que volta a Belém para fazer parte dessa festança de abertura.

E nos dois dias seguintes, 13 e 14, tem African e todo aquele processo que você já conhece. Novas bandas, paquera, praça de alimentação, feirinha, artistas circulando no meio da galera e toda a energia boa que o Festival promove uma vez por ano em Belém. Vai ter Otto em um dos shows mais esperados em Belém; vai ter Odair José com a moçada do Dead Lover’s Twistted Heart de banda base (vai ter gente chorando) ; tem o rapper Emicida; tem a volta do Madame Saatan; o rock gaúcho escrachadão da Graforréia Xilarmônica; o indie lo-fi meio Pavement meio Guided By Voices do Lê Almeida; o experimentalismo radical do Projeto Secreto Macacos; o ska reggae dub da banda novaiorquina The Slackers (duvido neguinho ficar parado); e ainda teremos um dos caras mais geniais da nova música brasileira, Fernando Catatau e seu Cidadão Instigado. E ainda tem nêgo que reclama, né?

Bem, e antes que esse editorial fique gigantesco, vamos nos despedindo por aqui porque aí embaixo tem tudo explicadíssimo pra vocês. Vamos correr que a batata está assando e o V Festival Se Rasgum está chegando. E o que antes era nervosismo se torna apenas uma ansiedade muito feliz por bons dias de diversão e música que o Festival Se Rasgum mais uma vez traz a Belém.

Leiam tudo, ainda tem CCAA Fest 2010, II Semana de Profissionalização da Música Brasileira. Laboratório Música Paraense.Org, Quero Causar e os carái.

Vamos trazer umas entrevistas exclusivas no próximo Se Rasgum News, que chega logo na semana que vem.

Fiquem com Jah!

Até já.

V FESTIVAL SE RASGUM ESTÁ CHEGANDO

Tem Otto, Slackers, Dona Onete, André Abujamra, Graforréia Xilarmônica, Madame Saatan, Los Porongas com Dado Villa-Lobos e Odair José com Dead Lover’s Twisted Heart, Nelsinho Rodrigues, entre outros, na quinta edição do Festival Se Rasgum

Novembro, nos dias 12, 13 e 14, avise na sua casa que você não tem hora pra chegar. São os três dias mais importantes para quem vive em Belém e gosta de música e novidade. É mês de V Festival Se Rasgum. São shows que vão do indie rock lo-fi ao ska-reggae, passando pelo brega, heavy metal, pop e guitarrada. O V Festival Se Rasgum traz a Belém Otto, Cidadão Instigado, André Abujamra, Emicida, Graforréia Xilarmônica, Cabruêra, Lê Almeida, Dubalizer, Graveola e o Lixo Polifônico e os shows combinados Odair José com Dead Lover’s Twisted Heart e Los Porongas com Dado Villa-Lobos, além de uma atração internacional, a norte-americana The Slackers.

Madame Saatan volta com sede de palco para o V Festival Se Rasgum

As convidadas de fora chegam para contracenar com o melhor da nova música paraense, representada pela guitarrada de Pio Lobato; o flashbrega de Nelsinho Rodrigues; o experimentalismo regional com cúmbia de Félix Y Los Carozos (projeto de ex-integrantes do La Pupuña); o carimbó da compositora paraense Dona Onete; e dois grandes representantes do rock locais: Madame Saatan – que finalmente se apresenta em Belém depois de mais de um ano – e a veterana Delinqüentes. Além das seis bandas que passaram pela aprovação do público e jurados nas Seletivas: Bruno B.O, Mostarda na Lagarta, Dharma Burns, Paris Rock, Projeto Secreto Macacos e Felipe Cordeiro.

André Abujamara apresenta seu show Mafaro na noite de abertura

Serão dois palcos onde as atrações se revezarão sem intervalos entre os shows, além do já tradicional Laboratório, que este ano receberá o tratamento do site Música Paraense (www.musicaparaense.org), que juntamente com a curadoria do Se Rasgum dará ao espaço (a boate refrigerada dentro do African) DJs, shows e projetos dedicados à música paraense. A estrutura do Festival ainda abraça a feira de moda paraense, praça de alimentação e Ecolounge (espaço voltado ao descanso do público e à conscientização ambiental), além de cultura urbana, representada por ações de grafitagem e stêncil.

A festa de abertura do V Festival Se Rasgum no Hangar terá um convidado muito especial, o compositor-ator-arranjador André Abujamra. Líder da banda Karnak, filho do ator Antônio Abujamra e um dos compositores brasileiros mais criativos e sem fronteiras, Abujamra será a atração de encerramento da festa de abertura, que dá largada para o V Festival Se Rasgum. A noite ainda terá os shows do rockão de baixo, bateria e voz do trio mineiro The Hell’s Kitchen Project, e dos locais Dona Onete e Felipe Cordeiro, além das discotecagens de DJs convidados especialmente para a ocasião , como Marcelinho Da Lua (da banda Bossa Cuca Nova) e Patrick Tor4, que se apresentam no palco principal após o show de André Abujamra. E no deck do Hangar quem vai fazer comandar o lado B da festa são os DJs Meachuta (Pedro, Maurício e Gil), junto com o convidado Pedro D’eyrot (do Bonde do Rolê).

Otto se apresenta pela primeira vez em Belém na noite de sábado, 13

Percussionista da primeira formação de Nação Zumbi e Mundo Livre SA, o pernambucano Otto também faz sua estréia nos palcos paraenses apresentando o resgate de ritmos brasileiros fundidos à eletrônica, sonoridade que virou a marca de seu trabalho. A banda de Otto traz ainda Pupilo, baterista da banda Nação Zumbi, e Fernando Catatau, gênio por trás da banda Cidadão Instigado, outra atração inédita em Belém e que se apresentará no V Se Rasgum.

Ícone maior do brega brasileiro e gênio criador de dezenas de hits populares, o goiano Odair José se apresenta ao lado dos mineiros do Dead Lover’s Twisted Heart, já conhecidos do público paraense desde a última edição do Se Rasgum. Já os acreanos do Los Porongas fazem uma apresentação memorável ao lado de Dado Villa-Lobos, ex-guitarrista da Legião Urbana, banda que embalou uma geração e, mesmo extinta, continua a agregar novos fãs.

The Slackers, diretamente de Nova York para o palco do V Se Rasgum

Das quebradas do bairro novaiorquino do Brooklyn vem os lendários The Slackers, com sua mistura de ska, rocksteady, dub e garage rock, acrescentando em grande estilo o tempero gringo do Festival.

Autor do explosivo hit “Me Libera”, Nelsinho Rodrigues e sua baladeira representam o grande momento do flashbrega paraense em uma das apresentações mais surpreendentes do Festival Se Rasgum. Consagrado na cena nacional, Pio Lobato segue destilando a guitarrada que ajudou a redescobrir, enquanto Félix Y Los Carozos flertam também com a cúmbia e o carimbó, trazendo ao palco diversas participações especiais, como Pro.efx e Gaby Amarantos.

Experimentalismo, post rock e peso com o Projeto Secreto Macacos

Além das grandes atrações locais e nacionais, o Festival aposta ainda nas seis vencedoras das Seletivas Se Rasgum, realizadas em setembro em Belém. O hip hop de Bruno BO, o brit pop da Dharma Burns, o rock n roll escrachado da Mostarda na Lagarta, o experimentalismo do Projeto Secreto Macacos, o indie rock da Paris Rock e a lambada de Felipe Cordeiro foram classificados entre mais de 100 bandas inscritas e têm no Festival Se Rasgum a oportunidade de mostrar seus trabalhos para o grande público.

*PROGRAMAÇÃO

SEXTA – 12.11 – Hangar
[A partir das 22h]

André Abujamra (SP)
Felipe Cordeiro (PA)
Dona Onete (PA)
The Hell’s Kitchen Project (MG)

  • DJ convidados Palco: Marcelinho da Lua (Bossa Cuca Nova – RJ) Patrick Tor4

Deck:
Pedro D’eyrot (Bonde do Rolê – PR)
DJs Meachuta

SÁBADO – 13.11
[a partir das 20h]

Otto (PE)
Félix Y Los Carozos (PA)
Cidadão Instigado (CE/SP)
Nelsinho Rodrigues (PA)
Odair José (GO) + Dead Lover’s Twisted Heart (MG)
Graforréia Xilarmônica (RS)
Cabruêra (PB)
Lê Almeida (RJ)
Soatá (DF)
Dharma Burns (PA)
Mostarda na Lagarta (PA)

DOMINGO – 14.11
[a partir das 20h]

The Slackers (EUA)
Madame Saatan (PA)
Los Porongas (AC) + Dado Villa-Lobos (RJ)
Pio Lobato (PA)
Emicida (SP)
Graveola e o Lixo Polifônico (MG)
Delinquentes (PA)
Bruno B.O (PA)
Dubalizer (SP)
Projeto Secreto Macacos (PA)
Paris Rock (PA)

Lê Almeida traz do Rio de Janeiro seu rock lo-fi para Belém

Emicida vem para o Se Rasgum mostrar toda a inteligência de seu rap

Odair José vem cutucar a memória a juventude com suas canções de amor

Só uma coisa a dizer do show do Cabruêra: prepare-se!

INGRESSOS E PASSAPORTES

INGRESSOS À VENDA:
Passaporte para as três noites: R$ 40,00 (meia* / 1º lote – esgotado)
R$ 50,00 (meia / 2º lote)
R$ 60,00 (meia / 3º lote)

Ingressos antecipados por dia (apenas na semana do Festival): R$ 25,00 (meia*) para sábado ou domingo.

A partir do dia 25 de outubro, no quiosque do Boullevard Shopping, estaremos aceitando todos os cartões de crédito.

Ingressos por dia (na hora): R$ 30,00.
Pontos de venda: Ná Figueredo (Gentil Bittencourt, 449 e Estação das Docas) e no quiosque da Se Rasgum, no Boullevard Shopping (1º piso).

* Meia entrada para clientes Vivo, Estudantes da Estácio – FAP, estudantes em geral e quem apresentar postal do evento na hora da compra.

A paraense Paris Rock, uma das atrações do V Festival Se Rasgum, se apresentará dia 3 num pocket show na Saraiva Megastore

POCKET SHOWS

Fique ligado que nos próximos dias teremos pocket shows especiais com bandas paraenses em três pontos: Boullevard Shopping (primeiro piso, próximo a escada rolante), Megastore Saraiva (Segundo piso do Boullevard) e na Faculdade Estácio FAP. É o V Festival Se Rasgum começando a mostrar sua cara com aporesentações especiais de Félix Y Los Carozos, Paris Rock, Felipe Cordeiro, Dharma Burns, Mostarda na Lagarta e Projeto Secreto Macacos.

Os pocket shows são mais uma ação do Festival Se Rasgum que, além de espalhar sua programação por outros locais, ainda divulga artistas que estão trabalhando novos conceitos e chamando a atenção com sua música.

Se programe:

30.10, sábado, às 18h30 – Félix Y Los Carozos no Boullevard Shopping
3.11, quarta-feira, às 19h – Paris Rock na Saraiva Megastore
4.11, quinta-feira, às 20h30 – Mostarda na Lagarta na FAP
6.11, sábado, às 18h30 – Felipe Cordeiro no Boullevard Shopping
10.11, quarta-feira, às – Dharma Burns na Saraiva Megastore
11.11 – Projeto Secreto Macacos na FAP

II SEMANA DE PROFISSIONALIZAÇÃO DA MÚSICA PARAENSE

Dando continuidade ao projeto que teve sua primeira edição realizada no ano passado, a II Semana de Profissionalização da Música Paraense será realizada de 9 a 12 de novembro no Sebrae Pará, fortalecendo a parceria que estimula a formação de novos profissionais. Aposta também no empreendorismo na área cultural, tanto dentro da produção musical como artística, técnica, empreendedorismo, gestão e direito, além de fortalecer discussões referentes à economia criativa e políticas públicas culturais. Serão oficinas, palestras e debates realizados durante a tarde e à noite no Sebrae Pará. A programação completa da II Semana de Profissionalização da Música Paraense será divulgada em breve, também no site do Festival.

A parceria do V Festival Se Rasgum com o Sebrae se repete Na II Semana de Profissionalização da Música Paraense. O Sebrae investe na iniciativa no mercado musical dentro do projeto Pará Pró Música.

A programação inclui um Workshop de Formação de Roadie, Produção Musical, Oficina de Luthieria, Técnica de Improvisação e Prática de Grupo, entre outros.

A II Semana de Profissionalização da Música Paraense será aberta ao público, mirando seu foco em artistas e profissionais da música. A Semana será divida em quatro eixos temáticos: Artística e Técnica; Comunicação, Inovação e Tecnologia; Empreendedorismo, Gestão e Direito; Economia Criativa, Sustentabilidade e Educação.

Proe.fx ataca no Laboratório

LABORATÓRIO MÚSICA PARAENSE.ORG

Conquistando seu espaço como o terceiro palco do Festival Se Rasgum, o Laboratório começou como um projeto reservado para DJs, sons experimentais e pequenos shows. Na quinta edição, o espaço ganha força como Laboratório MúsicaParaente.Org, voltado para os DJs, bandas e artistas locais que representam as novas tendências da música do estado.

A programação terá DJs como Pro.efx, Bembom e João Brasil (num link ao vivo de Londres, especial para o Festival Se Rasgum), e shows da Gang do Eletro, Proe.fx e um show que reúne as cantoras Juliana Sinimbu, Aila Magalhães e o cantor Arthur Nogueira.

SÁBADO – 13.11
19h – DJ David Sampler
20h – V.N – (Vida Noturna)
21h – DJ Pro.Efx 22h – Mestre Juvenal 23h – Machines Of Shiva
0h – DJ Zenildo (Brasilândia) 1h – Cocota de Ortega

DOMINGO – 14.11
19h – DJ João Brasil (Link Belém/Londres)
20h – Árvore Ar
21h – DJs Bem bom
22h – Sinimbú + Aíla + Nogueira
23h – DJs Bernardo (Bassemotion) / Albery (Tuntz)
0h – Yeman Jah Root
1h – DJ Waldo Squash, Maderito e Gang do Eletro

*A programação está sujeita a alteração

CCAA Fest 2010

Mais de 110 bandas autorais se inscreveram no CCAA Fest 2010. 90 concluíram todas as exigências da inscrição. No total, foram 106 bandas inscritas.

As inscrições foram até o dia 22 de outubro. Ano passado 93 bandas se inscreveram e esse ano foram mais de 100. Todas se apresentarão na audição que será realizada no Estúdio APCE, entre os dias 03 e 06 de novembro, quando será gravado um vídeo clipe ao vivo da música inscrita e executada pela banda. Um corpo de jurados atribuirá notas a todos os vídeos e as 10 bandas mais pontuadas já garantem vaga na final. As outras 10 seguintes no ranking do julgamento participarão da semifinal.

A novidade é que além da pontuação dos jurados, estas dez semifinalistas serão apresentadas no programa MTV Belém e ainda passarão pelo crivo do público, que poderá votar no melhor videoclipe que será veiculado no site do CCAA. O resultado já será conhecido no dia 16 de novembro.

Cada banda que participa da fase de audição ganha um DVD com o vídeo de sua apresentação no estúdio APCE. Cada uma das 15 bandas finalistas recebe o DVD com a gravação final do show de dezembro e uma bolsa de estudos no CCAA, válida por um ano. A banda vencedora do festival grava um CD, no estúdio da Ná Music, com direito a 100 cópias, uma maneira a mais para divulgar seu trabalho. Há ainda uma gravação de videoclipe da música vencedora, com patrocínio do Bar Studio Pub para a segunda colocada.

A terceira banda escolhida entre as 15 finalistas também recebe como prêmio um vale compra no valor de R$ 1.000,00 da Loja Foto Keuffer. E o APCE premiará a Banda Inovação com a gravação de uma música em seu estúdio.

Mais informações: WWW.ccaabelem.com.br

***

QUERO CAUSAR OVER THE RAINBOW

E dia 1 novembro na petraclub, plena segunda-feira véspera de feriado, a Quero Causar promove a festa “Over the rainbow”, junto aos DJs da Xoc, Peggy e Pogobol, além da apresentação da Banda Van Pelts, que fará um show especial Beatles. A festa será no Petra Club (antigo Mirage, Zeppelin) e terá os já famosos Jellyshots, a gelatina com tequila tradicional de suas festas.

A festa faz referência à lenda do arco íris e dos potes de ouro. No final de cada arco íris, vários potes com o ouro dos baladeiros: prêmios com bebida – Tequila, garrafa de jellyshot, promoções de Vodka com energético e um único passe-livre para todas as futuras Quero Causar.

Serviço
Quero Causar Over the rainbow
Segunda-feira, 1, no Petra Club (Senador Lemos, 108)
Ingressos a 15 reais (a noite toda), para a pista, e 25 reais os camarotes limitados.

email flickr orkut twitter youtube

V Se Rasgum: Conheçam as atrações

PROGRAMAÇÃO

SEXTA – 12.11 (Hangar)

André Abujamra (SP)

Felipe Cordeiro (PA)

Dona Onete (PA)

The Hell’s Kitchen Project (MG)

+ DJ convidados

SÁBADO – 13.11 (African)

Otto (PE)

Félix e Los Carozos (PA)

Cidadão Instigado (CE/SP)

Nelsinho Rodrigues (PA)

Odair José (SP) + Dead Lover’s Twisted Heart (MG)

Graforréia Xilarmônica (RS)

Cabruêra (PB)

Lê Almeida (RJ)

Soatá (DF)

Dharma Burns (PA)

Mostarda na Lagarta (PA)

DOMINGO – 14.11 (African)

The Slackers (EUA)

Madame Saatan (PA)

Los Porongas (AC) + Dado Villa-Lobos (RJ)

Pio Lobato (PA)

Emicida (SP)

Graveola e o Lixo Polifônico (MG)

Delinquentes (PA)

Bruno B.O (PA)

Dubalizer (SP)

Projeto Secreto Macacos (PA)

Paris Rock (PA)

Confirmados p/ o Laboratório MúsicaParaense.Org: Mestre Juvenal, DJ David Sampler, Cocota de Ortega, Djs Bernardo, Albery,

INGRESSOS À VENDA:

Passaporte para as três noites: R$ 40,00 (meia* / 1º lote), R$ 50,00 (meia / 2º lote) e R$ 60,00 (meia / 3º lote)

Ingressos antecipados por dia (apenas na semana do Festival): R$ 25,00 (meia*) para sábado ou domingo.

Ingressos antecipados por dia (na hora): R$ 30,00. (Trocar para: Ingressos por dia na hora)

Pontos de venda: Ná Figueredo (Gentil Bittencourt, 449 e Estação das Docas) e no quiosque da Se Rasgum, no Boullevard Shopping (1º piso).

* Meia entrada para clientes Vivo, Estudantes da Estácio – FAP e quem apresentar postal do evento na hora da compra.

Mais informações no site www.serasgum.com.br

Essa semana ainda ingressos e passaportes estarão a venda para o V Festival Se Rasgum. Aguardem mais informações

Entrevista Especial e Exclusiva com Ed Guerreiro, guitarrista da banda Madame Saatan

Ed Guerreiro é guitarrista de uma das mais representativas e importantes do Rock do Pará, Madame Saatan. Além disso, ele é também um dos grandes expoentes da nova geração de guitarristas do Brasil. Nessa entrevista, mais do que especial e exclusiva para o blog Rock Pará, Ed conta novidades sobre a Madame Saatan (confirmada para a quinta edição do Festival Se Rasgum, que acontecerá no período de 12 a 14 de novembro, no African Bar, em Belém do Pará); também outros projetos importantes e que estimulam ainda mais a projeção da carreira dele.

Contatos: www.myspace.com/madamesaatan

Ed Guerreiro apresentou um show solo no dia 23 de setembro, na Livraria da Esquina em São Paulo, abrindo o show da banda Clarah Averbuck and Oneyedcats. Como surgiu a ideia dessa apresentação? E como definiste o repertório?

A ideia já existia a um tempo, sempre tive vontade de reunir uma galera diferente para tocar algumas coisas minhas que não entraram no repertório do Madame. No repertório desse show (que era um pocket show) coloquei três músicas minhas, um instrumental do Edu Lobo e um clássico de carimbó com uma roupagem mais rock sem perder o swing.

Como montaste a banda que vais te acompanhar nesse show?

Pra montar a banda chamei dois caras que admiro o trabalho, um é o Paulo Anhaia que é baixista, saca muito de música e será o produtor do próximo disco da banda. Na batera, chamei o Jorge Anzol que é integrante da banda acreana Los Porongas.

Para você, quais foram os melhores ensinamentos que tiveste nesses dois que estás morando em São Paulo?

São Paulo ensina muitas coisas, a cidade anda em um ritmo bem diferente de Belém. Aprendi aqui a colocar o pé mais  no chão e que é preciso trabalhar muito mais do que se imagina pra conseguir viver com a música.

Quais são as perspectivas em relação a banda Madame Saatan?

O Madame está a todo vapor, estamos fazendo a pré-produção do próximo disco, ensaiando muito e com boas  expectativas com as novas coisas que estamos compondo.

Quais são os teus próximos projetos?

Além do Madame e desse projeto homônimo tem dois projetos pelos quais tenho muito carinho e devo gravar alguma  coisa no ano que vem, um deles é um instrumental de violão e bateria com o Ivan Vanzar e outro é o Magnetique com a  Sammliz onde a gente mistura música brasileira e heavy metal.




Festa "Pior Do que Tá Não Fica"

Em tempos de censura, há humoristas que pretendem fazer comédia com a galhofada de candidatos. Um dos palhaços mais escrachados da atualidade chegou à porta da casa dos políticos e sentenciou em tom de descaso: “Pior que tá não fica!” Candidato que quer ajudar sua família, em primeiro lugar pode até parecer uma ingenuidade redundante vinda do aspirante a político, mas a forma com que isto foi dito bem na fuça dos homens públicos do país se tornou mais marcante que muitas manifestações feitas por aí.

E acreditando que nada melhor que um palhaço para símbolo da política brasileira a Control junta as forças com a Abunai Produções e com a paulistana Love 80 para chamar a sua atenção na hora do voto. Cuidado com o comediante que você elege, porque no final eles que vão rir da sua cara. E como circo sem festa não é circo chamamos você para se conscientizar e se divertir nessa festa simultânea em dois estados distintos:

Belém:
A Control une forças com a Abunai Produções para levar ao Caverna Clube uma noite regada à conscientização rockeira e etílica com a presença das bandas: Licor de Xorume – com seu primordial “catuabacore”, trazendo na bagagem uma tour desbravando o centro oeste brasileiro com bandas do estilo. Rennegados – banda que comemora 10 anos de estrada este ano já tendo tocado com Dead Fish e DFC. Dercy Gonçalves – banda calibrada do grindcore paraense tendo excursionado pelo Brasil e feito shows ao lado de gente como Ratos de Porão, DFC, Crazy Legs, Rasta Knast (Alemanha) entre outros, além dos eternos Gibbamones mandando ver no Ramones pra galera gastar a sola do sapato dançando.
O evento ainda contará com a presença dos convidados: Sidney Filho (blogs Ver o Pop e Rock Pará) e Jardel Crudo (This is Radio Trash) além dos residentes Rafaela Fontoura (Abunai) e Marcio Crux (Control) destrinchando o melhor do rock nas pick ups pra galera se divertir na pista e com a venda de rango vegetariano do Veg Casa!

Serviço:
Data: 01/10/2010
Local: Caverna Clube
Hora 22:00 Horas
Preço: R$ 5,00